Praia da Cocanha – Praias de Caraguatatuba

 / Turismo  / Praias de Caraguatatuba  / Praia da Cocanha – Praias de Caraguatatuba
26 maio

Praia da Cocanha – Praias de Caraguatatuba

Na praia da Cocanha os moradores de Caraguá, turistas e veranistas que adoram a natureza têm mais que uma opção de lazer, a Ilha da Cocanha, localizada na praia de mesmo nome, na região norte do município, oferece, além de diversão, um contato com a natureza e suas belezas naturais.

Muitos que moram em Caraguatatuba e até mesmos os turistas que frequentam a praia não sabem a história da Ilha da Cocanha que até teria sido cobiçada pelo Rei Roberto Carlos.

Neste artigo, vamos apresentar:

Ilha da Cocanha - Praias de Caraguatatuba  Foto: Tripadivisor.com

Ilha da Cocanha – Praias de Caraguatatuba  Foto: Tripadivisor.com

Praia da Cocanha

A praia da Cocanha, localizada ao norte da praia da Mocóca e ao sul da praia do Massaguaçu, 12 km do centro da cidade, é uma das mais belas praias de Caraguatatuba. Com suas águas calmas e cristalinas, perfeita para crianças, prática de pesca e mergulho, é uma ótima praia pra quem procura tranquilidade.

Em frente à praia, avista-se uma ilha, bastante frequentada para pratica de mergulho e observação da vida marinha. O local também é conhecido pela tradicional travessia de nadadores da chamada de Prova Natatória Ilha da Cocanha, que tem 1.200 metros de extensão e reúne nadadores de várias partes do país.

Com uma boa infraestrutura de serviços a praia oferece a pratica de atividades como ski-banana, aluguel de motos aquáticas, caiaques, e eventos locais em seus quiosques.

Praia da Cocanha - Praias de Caraguatatuba - Foto: Tripadvisor.com

Praia da Cocanha – Praias de Caraguatatuba – Foto: Tripadvisor.com

História da Ilha da Cocanha

A história foi escrita pelo jornalista Salim Buriham, em seu blog no ano de 2013 e conta que a ilha já foi considerada uma das ilhas mais badaladas da sociedade paulista nos anos de 40, 50 e 60 e que na década de 70 o cantor Roberto Carlos mostrou um grande interesse em adquiri-la.

Na década de 50 a ilha pertencia à família armênia Keutenedjian, uma das mais importantes da capital. Na época a família transformou a ilha  da Cocanha em um paraíso à beira mar. 

Um casarão no topo da ilha foi construído pela família e oferecia a mais bela vista das praias da Cocanha, Massaguaçu, Mococa e Tabatinga.

A iluminação se dava por um potente gerador que iluminava os jardins, a casa e o acesso entre o píer e a mansão. Uma fonte abastecia de água o casarão e havia também uma estradinha de calçamento, coisa rara nas cidades e estradas da região.

Nos fins de semana, a família  reunia no casarão a nata da sociedade paulistana para festas e eventos importantes na Ilha da Cocanha.

Segundo Epifânio de Oliveira Carlota, conhecido como João Ité, falecido em 2002 aos 75 anos, que era uma espécie de caseiro do proprietário, Varam Keutenedjian adorava caçar e colecionava armas. Conta que a partir do final dos anos 50, seu Varam decidiu dedicar-se apenas as caçadas na África do Sul abandonando de vez o Ilhote da Cocanha e que  na época do golpe militar em 1964, o exército vasculhou a ilha em busca de armamento mas nada foi encontrado.

O neto de Varam, Marcos Varam  Keutenedjian, diz que seu avô jamais frequentou a ilha da Cocanha e que o real proprietário era seu pai, Marcos Keutenedjian, falecido em fevereiro de 2013.

Ele diz que tentou regularizar a ilha, mas teria enfrentado muitas dificuldades junto ao Condephat – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico Arqueológico para regularizar as reformas na casa e acabou se desinteressando em investir na ilha em 1990.

 O neto de Seu Varam diz também que a história das armas não passa de uma lenda e confirma que o cantor Roberto Carlos chegou a se interessar pela ilha em 1969,  porém não houve acordo algum entre as partes.

 Atualmente a posse da ilha está com Edmilson Ranufo, que administra um restaurante no local, o “Ilha da Cocanha Restaurante”, especializado em frutos do mar, entre eles, mexilhões, que são extraídos fresquinhos de um cultivo que existe ao lado a ilha.

Atrativos da Ilha da Cocanha

Restaurante Ilha da Cocanha

O restaurante Ilha da Cocanha fica localizado no começo da ilha e quem faz a travessia dos visitantes é o próprio Edmilson. Lá o visitante pode apreciar o lambe-lambe, prato à base de marisco que é uma especialidade da casa e para quem não é adepto ao marisco o restaurante oferece peixe, camarão, lula, entre outros.

Restaurante Ilha da Cocanha - Praias de Caraguatatuba - Foto: Google Images

Restaurante Ilha da Cocanha – Praias de Caraguatatuba – Foto: Google Images

Fazenda de Mexilhões

É na praia da Cocanha que está localizada a maior fazenda de mexilhões do estado de São Paulo, produzindo cerca de 8 mil toneladas por ano. Se um visitante quiser conhecer a fazenda, o passeio de barco é organizado pelo Rancho dos Pescadores, na própria praia.

 

Praia da Cocanha - Praias de Caraguatatuba - Foto: Gianni Dangelo

Praia da Cocanha – Praias de Caraguatatuba – Foto: Gianni Dangelo

Passeios e trilhas

É possível fazer passeios e trilhas com um guia turístico que além de acompanhar nos passeios, conta aos visitantes toda a história da ilha. O passeio pode ser feito todos os dias da semana, porém se o grupo for grande, é preciso o agendamento da visita por conta da travessia.

Vista para a praia da trilha Ilha da Cocanha - Praias de Caraguatatuba Foto: Férias Brasil

Vista para a praia da trilha Ilha da Cocanha – Praias de Caraguatatuba Foto: Férias Brasil

Observação de Aves

Inúmeras espécies animais podem ser vistas durante a caminhada nas trilhas da ilha. Por conta de sua cobertura de floresta nativa, a ilha recebe a visita de pássaros típicos da região, como bem-te-vi, gaviões, tié sangue, sendo excelente ponto para observação dessas aves.

 

Prova Natatória Ilha da Cocanha

A Prova Natatória Ilha da Cocanha tem 1.200 metros de extensão e reúne nadadores de várias partes do país. Não há limite de idade e os atletas a partir de 6 anos podem participar. Todos recebem medalhas de participação e troféus para os três primeiros colocados. 

Prova Natatória Ilha da Cocanha – Praias de Caraguatatuba – Foto: Gianni D’angelo

 

A praia da Cocanha é um ótimo lugar para se fazer turismo em Caraguatatuba! Aproveite para conhecer esta praia maravilhosa! Um ótimo lugar para quem gosta de estar em contato com a natureza.

Conteúdos Exclusivos

Gostou deste artigo?

Então participe, deixe seu comentário abaixo e interaja conosco nas redes sociais. Queremos disponibilizar conteúdos cada vez melhores para você! Fique à vontade para deixar sugestões, críticas e elogios.

Cadastre seu e-mail abaixo para receber, em primeira mão, nossos artigos, receitas, promoções e novidades.

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Veja também

vista morro santo antonio

Vista da enseada de Caraguatatuba

5 motivos para visitar Caraguatatuba no outono

Turismo em Caraguá vai muito além de suas praias, e com isso, o outono se torna uma das melhores estações para visitar o paraíso litorâneo. Reunimos excelentes motivos para você visitar Cara…

Leia mais

Compartilhar
Danilo Toledo

Administrador, Gerente Administrativo do Tapera Branca Restaurante. Pai de família e corredor amador.

Comentários
  • David Levisky
    11 de abril de 2019, 16:33

    Você conhece a origem do nome praia da cocanhas. Tenho um amigo brasileiro que mora em Lisboa e que publicou um livro chamado Cocanha em referência à cidade mitológica medieval chamada Cocanha. Saberia dizer ou conhece alguém que pode dizer porque essa praia de Caraguatatuba recebeu esse nome? Inspirado no que? Agradeço a colaboração.

    • Antonio Carlos Fernandes
      17 de abril de 2019, 12:23

      Olá, David.
      Não existem registros informando sobre a origem do nome da praia. Porém, as pessoas mais velhas que moram na cidade contam que o nome se deve em conta a ilhota que fica em frente. E que quem deu esse nome foi o antigo dono da ilha.
      A inspiração veio em consideração à história do país mitológico onde tudo era ”possível”.

      Essa é uma história contada pelo habitantes daqui de Caraguatatuba. Os registros oficiais se encontram na prefeitura e infelizmente, não possuímos acesso.

      Espero ter te ajudado!

Deixe um Comentário